Magia de Umbanda: Lavagem de Chão

Magia de UmbandaA Lavagem de Chão é uma outra técnica de limpeza e também de energização que é possível utilizar dentro do ritual de Umbanda. É tão simples que geralmente é uma das primeiras coisas que os guias recomendam para desimpregnar um local de energias viciosas, negativas ou paradas. Bom para retirada de cascões energéticos e também de miasmas que se encontram nos cantos, paredes e no chão dos imóveis.

A lavagem geralmente consiste em utilizar ervas em partes definidas, preferencialmente frescas, juntamente com água. Através da maceração dessas ervas obtém-se seu sumo já misturado com a água e então se faz a limpeza do ambiente com um pano de chão novo, sem uso anterior. Porém, em alguns casos, na falta de erva fresca ou quando utilizamos raízes, cascas e sementes, devemos ferver essas através de um processo de decoção. Depois que a água atingir a temperatura ambiente, procede-se a limpeza da mesma forma.

Existem duas formas de fazer a lavagem, em questão de orientação. Se for para limpeza recomenda-se limpar do último cômodo até a porta de entrada. Se for para energização – feitiços propiciatórios – fazemos o contrário, da porta da frente até o último cômodo. Importante é o ritual para a lavagem, molhando o pano – novo e sem uso – na mistura de água com ervas e depois torcendo-o e lavando na água corrente antes de novamente molhar ele na mistura de ervas e água.

É muito mais efetivo que a defumação, porém só é prático para ambientes menores. Em um prédio comercial acaba se tornando inviável. Também pode-se acrescentar algumas gotas de perfume ou óleos essenciais na mistura já pronta.

Alguns preparos básicos são:

  • Para Limpeza Astral: Uma Espada de São Jorge Cortada em 7 Pedaços, deixando repousar na água por volta de 12 horas e depois aplicando o preparo de dentro para fora.
  • Para Limpeza e Proteção: Guiné, Arruda e Eucalipto, de preferência frescos. Macere tudo em água a temperatura ambiente e aplique o preparo de dentro para fora.
  • Para Desimpregnar ambiente onde um doente tenha ficado por muito tempo: Comigo-Ninguém-Pode, Aroeira e Alecrim. Deixe a Aroeira em decoção, após isso adicione em água ainda quente as outras ervas e aplique o preparo de dentro para fora, quando a água estiver em temperatura ambiente. Evitar o contato do preparo com animais e crianças pequenas, tire-as do ambiente até que esteja completamente seco.
  • Para Prosperidade: Pó de Café ou Folha de Café, Canela e Cravo. Deixe em decoção a Canela em pau e o Cravo. Se utilizar a folha do café, adicione-a assim que retirar o preparo da decoção. Se utilizar o pó, espere o líquido ficar em temperatura ambiente. Passe de fora para dentro o preparo. É bom sempre fazer o processo de limpeza primeiro e depois o de prosperidade.
  • Para trazer Harmonia: Rosas Brancas, Alecrim e Alfazema. Macere o preparo e deixe repousar por 2 horas, depois passe de fora para dentro. Pode-se utilizar algumas gostas de óleo essencial de Laranja Doce ou de Sálvia, assim como algumas gostas do perfume da sua preferência.

Acompanhe a série Magia de Umbanda.

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Douglas Rainho

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Você pode gostar...