Centros de Forças / Chakras

Dando continuidade a série sobre espiritualidade, vou falar um pouco sobre os centros de força ou chakras.

Chakra vêm do sânscrito é significa roda. Os videntes conseguem vê-los nesta forma, uma roda girando  como um vórtice de energia em alta velocidade.

É sabido que os chakras são propriedades do Duplo-Etéreo, e que eles tem seus equivalentes, chamados de parachakras, no corpo somático, astral ou Perispírito.

Existem vários chakras espalhados pelo corpo, mas os principais são sete e se localizam seguindo uma linha central, denominada pelos hindus como Nadi Sushumna, que divide o corpo igualmente em dois.

Para se ter uma ideia desta linha e de onde ela se localiza basta traçar uma linha imaginária começando do centro da sua cabeça até o chão, passando por entre suas pernas.

Neste nadi ou linha, chamado Sushumna localizamos os sete chakras principais, são eles:

  • Muladhara, Kundalini ou Básico
    Localiza-se na base da espinha dorsal, relaciona-se com a glândula endócrina sexual. (Testículo/Ovário)
  • Svadisthana ou do Sacro
    Localiza-se abaixo do umbingo e relaciona-se com a glândula endócrina suprarrenal.
  • Manipura, Umbilical ou Plexo Solar
    Localiza-se na região do umbigo e relaciona-se com o Pâncreas.
  • Anahata ou Cardíaco
    Localiza-se na direção do coração e relaciona-se com o Timo.
  • Vishuddha, da Garganta ou Laríngeo
    Localiza-se na garganta e relaciona-se com a Tireoide e Paratireoide.
  • Ajna, Frontal ou Terceiro Olho
    Localiza-se na testa entre os olhos e relaciona-se com a glândula Pituitária.
  • Sahasrara, Coronário ou Coroa
    Localiza-se no alto da cabeça e relaciona-se com a glândula Pineal.

Além deste temos um chakra secundário de extrema importância que é chamado Chakra Esplênico ou do Baço. Localiza-se na altura do baço e relaciona-se com o mesmo. É o único que têm ligação com todos os outros chakras e que é o responsável por coletar a energia vital ou prana emitido pela radiação solar.

Antes de continuar é importante conhecermos as energias que se relacionam com os chakras.

Primeiramente a Energia Kundalini, que é a energia primeva, que originou-se no começo dos tempos, e que jaz dormente no Chakra Kundalini, Básico ou Muladhara. E pode ser explorado com práticas tântricas objetivando uma união com a Divina criação. É uma energia de aspecto telúrica que é emanada do centro da Terra. Muito pesquisada por diversos cientistas e psicanalistas, sendo que Carl Jung chegou a fazer uma apresentação em Zurique sobre a Energia Kundalini.

A outra energia importantíssima é o Prana, Ki para os japoneses, Ch’i para os chineses, Energia vital para os espíritas, etc.

Prana é um termo em sânscrito que se refere à substância energética que flui desde o ambiente até o corpo; a respiração vital; bioenergia. (Fonte: A Bíblia dos Chakras; Mercier, Patrícia; Ed. Pensamento)

Em outras palavras é a energia vital emanada pelo Sol, que circunda a todos nós e que é absorvida pelo esplênico e pela respiração. A energia que permeia todas as obras da criação e que é utilizada muito na Yoga, Acupuntura e outras terapias orientais.

Por isso é muito utilizado os exercícios de respiração na prática da Yoga, do Tai Chi, e de outras formas terapêuticas e de relaxamento.

Geralmente quando estamos com alguma disfunção, doença ou problema físico é um reflexo da subnutrição do chakra correspondente do prana ou de sua super-nutrição. Tudo deve ser focado para o equilíbrio. Exageros ou Privações causam danos da mesma forma.

Podemos reorganizar nosso campos energéticos simplesmente respirando e buscando o prana que nos envolve. Mesmo quando doamos um pouco dessa energia através dos passes, reiki e outras terapias energéticas podemos reequilibrarmos apenas respirando corretamente.

Outra teoria importante para se conhecer é a teoria das Nadis ou Meridianos Chineses. Uma delas foi citada acima, como a Nadi Sushumna que é onde localizam-se os chakras principais, mas temos outras nadis no corpo, vale ressaltar duas delas: A Nadi Pingala e a Nadi Ida. Elas tem correlação com a teoria chinesa do Yin e Yang. Elas se localizam ao lado da Nadi Principal/Sushumna e se interconectam nos pontos dos chakras, desenvolvendo um percurso espiralado.

Abaixo a representação gráfica das Nadis e também da localização dos Chakras.

Em um próximo artigo, exploraremos os chakras individualmente.

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Douglas Rainho

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Você pode gostar...

  • Ótimo!!!
    Pena que acabou, gostei muito, como no comentário anterior fico no aguardo do proximo.
    Espero que breve.