O Projeto Humaitá

Humaitá

O Projeto Humaitá surgiu de uma inspiração em meio as meditações e reflexões que faço conjuntamente aos mentores que amparam meu trabalho. Aliás, como tudo nessa senda espiritualista, acreditamos no início que algo nunca tem grandes desdobramentos, até nos depararmos com a inexorável resposta dada a Allan Kardec, quando da Codificação Espírita, na pergunta 459 do Livro dos Espíritos:

459. Os Espíritos influem sobre os nossos pensamentos e as nossas ações?

      — Nesse sentido a sua influência é maior do que supondes, porque  muito freqüentemente são eles que vos dirigem.

Então, todo o projeto desde o nascimento do blog lá em meados de 2011, começa a tomar um corpo que eu jamais imaginei. Claro que muito longe da mega divulgação e exposição que alguns baluartes possuem, porém, conosco o trabalho sempre foi assim, aos poucos, no estilo da formiguinha de trabalhar.

Com isso criamos um núcleo de leitores e companheiros de estudo ávidos por informações, mas não relegando qualquer conduta ética, procurando sempre pautar tudo pela razão e pelo bom-senso, exercendo seu discernimento sobre tudo que é postado no blog ou veiculado em nossos outros canais de comunicação. Nunca esperaria algo diferente desse grupo, que se tornou de fato uma egrégora.

Com tudo isso ocorrendo, pudemos multiplicar as frentes de atuação e surgiu a ideia de montar um grupo de estudos espiritualistas, ao qual foi dado o nome de Espiritualidade em Estudo.

Deste grupo então, surgiu a oportunidade de montar uma experiência em cima de uma “mironga”, para que pudéssemos mensurar a sua efetividade dentro daquele agrupamento e assim foi feito, atingindo em torno de 97% de eficácia na mironga, sendo que os 3% restantes foram de pessoas que não executaram até o final o ritual ou não o fizeram de forma correta. Mas, os estudantes queriam mais e então a espiritualidade veio ao nosso auxílio nos inspirando a montar o Projeto Humaitá.

Mas o que é o Projeto Humaitá?

O Projeto Humaitá consiste em estudar a parte teórica do básico sobre magia, focando principalmente em magia popular – Folk Magick – mas não se restringindo a esta. Estudamos diversas escolas e propomos atividades que são sempre acompanhadas posteriormente por meio de relatórios.

Além disso o Projeto Humaitá possui uma rigidez tremenda quanto a quem adentra suas linhas – ou círculos, como definimos – e também cobra muito de seus postulantes. No começo, definimos um máximo de 50 pessoas por círculo, sendo que a procura foi o dobro.

Como bom filho de Ogum, a ordem e a pontualidade são essenciais para mim e como tutor desse projeto, não permiti que houvesse adiamentos ou postergações de datas.

Os estudos ocorrem a distância, por meio de monografias mensais, totalizando seis monografias por círculo. No primeiro círculo, começamos com 50 pessoas e atualmente, no final desse projeto temos apenas 21 estudantes, o que significa que a egrégora é bem rígida.

Como entrar no Projeto Humaitá?

Os interessados poderão enviar suas aplicações quando um círculo estiver aberto. Não aceitamos inscrições no decorrer do círculo, que tem duração aproximada de seis meses.

Para fazer parte do projeto é necessário ter disciplina, determinação e manter sigilo de tudo que lá for aprendido e comentado. Além disso há um valor mensal de R$ 50,00* cobrados de todos os inscritos.

A princípio é necessário o preenchimento da ficha de inscrição com dados reais – que serão checados – e também o preenchimento manual – de próprio punho – do termo de compromisso, se comprometendo a manter o sigilo. Esse último deve ser enviado por correio até o endereço que será disponibilizado posteriormente para quem preencher as fichas de inscrição.

Como o estudo funciona?

Cada postulante receberá mensalmente – após o pagamento – uma monografia em seu e-mail. Dentro desta, irá conter embasamento teórico, explicações das práticas e sugestão de atividades. Além disto há sempre uma das atividades que é de cunho obrigatório e que deverá ser acompanhada por meio de relatórios, enviados aos tutor até a data por esse definida.

Onde se encaixa a rigidez?

Todos aqueles que não entregarem o relatório até a data limite, assim como aqueles que não fizerem o pagamento da matrícula, serão desligados do projeto de forma temporária ou definitiva.

No caso do desligamento temporário, o postulante poderá voltar a cursar o mesmo, após o início do novo círculo, porém deverá começar do início, inclusive refazendo os relatórios e pagando as mensalidades novamente. Neste caso, se o mesmo tiver feito três pagamentos e entregado dois relatórios, na falta do terceiro relatório (ou se for no caso do pagamento da mensalidade), ele será desligado e encaminhado para a primeira monografia novamente.

O grupo gerenciador do Projeto Humaitá também se reserva no direito de negar a entrada ou reingresso de qualquer membro, sem ter a obrigação de dar satisfações ou explicações do motivo da recusa.

Por que devo começar tudo de novo e pagar tudo novamente?

As regras são essas, pois parte do dinheiro arrecadado é revertido para as obras assistenciais de diversas entidades. Sendo que bimestralmente enviado recibos nos meios de comunicação do Projeto Humaitá.

Existem iniciações?

Não há iniciação nem presencial e nem a distância pelo simples fato de que na magia popular não existe isso. Dentro deste contexto é tido que todo ser humano é capaz de praticar magia, de uma forma natural. Quem o habilita é a sua dedicação e suas próprias forças pessoais, o que alguns chamam de mentores.

As inscrições estão abertas?

Neste atual momento (27 de Novembro de 2017) acabamos de finalizar a última monografia do 1º círculo e estamos fechados para correção e ajustes até segunda ordem. Para saber quando abriremos outras turmas, fique atento as comunicações do grupo “Espiritualidade em Estudo”.


Esse é o Projeto Humaitá. Quem fez sabe o quanto mudou sua visão de mundo e também da espiritualidade, dando liberdade e acima de tudo permitindo o livre-pensamento, independente de doutrina religiosa ou filosófica. Para fazer parte do mesmo, envie um e-mail para nós com a intenção de se inscrever quando o círculo estiver aberto.

* Para membros atuantes dentro do grupo “Espiritualidade em Estudo”, há um desconto no valor.

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Douglas Rainho

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Você pode gostar...