Por que o Espiritismo não é levado a sério?

O Espiritismo é uma doutrina filosófica surgida – codificada – por Allan Kardec no final do século XIX, através da comunicação das forças inteligentes invisíveis que ele denominou de Espíritos. É uma doutrina baseada em três pilares: Ciência, Filosofia e Moral. Em alguns aspectos esse pilar da Moral se transformou em religião, especialmente no Brasil, onde sofreu influência direta do Roustaignismo e de dogmas de egressos católicos. Aliada a uma profunda mistificação e fantasia criada pelos adeptos em busca do sistema maniqueísta da vida.

Devido a isto, muito do que se fala sobre espiritismo talvez não o seja mesmo, se seguirmos a doutrina em sua codificação mais pura. Ainda pior é ver que muito do que ocorre é encarado por outros, que desconhecem o verdadeiro Espiritismo, como uma grande fantasia de mentes perturbadas. Por fim, o pior é que não são levados a sério em nenhum núcleo realmente intelectualizado e científico.

Abaixo eu reproduzo um texto que me deparei esses dias de suposta autoria de Geraldo Lemos Neto, surgida de uma suposta conversa com Chico Xavier. O nome do texto é “Onde estaria o espírito de Hitler?”.

Para melhor compreensão deste artigo, peço aos leitores para que se dispam dos preconceitos e das atitude se pensamentos politicamente corretos. Estamos analisando aqui sob a ótica espírita e não sobre preciosismos e devaneios de nossos sentimentos de inferioridade e vitimismo.  Abaixo reproduzo o texto em sua íntegra:

Onde estaria o espírito de Hitler?

(…) Perguntei ao Chico sobre Hitler. Onde estaria o espírito de Hitler ? Chico então me contou uma história muito interessante. Segundo ele, imediatamente após a sua desencarnação, o espírito de Hitler recebeu das Altas Esferas uma sentença de ficar 1.000 anos terrestres em regime de solitária numa prisão espiritual situada no planeta Plutão. Chico explicou-me que esta providência foi necessária não somente pelo aspecto da pena que se lhe imputara aos erros clamorosos, mas também em função da Misericórdia Celeste em protegê-los da horda de milhões de almas vingativas que não o haviam perdoado os deslizes lamentáveis. Durante este período de 10 séculos em absoluta solidão ele seria chamado a meditar mais profundamente sobre os enganos cometidos e então teria nova chance de recomeçar na estrada evolutiva.

Quando o espírito de Gandhi desencarnou, e ascendeu aos Planos Mais Altos da Terra pela iluminação natural de sua bondade característica, ao saber do triste destino do algoz da humanidade na II Grande Guerra Mundial, solicitou uma audiência com Jesus Cristo, o Governador Espiritual da Terra, e pediu ao Cristo a possibilidade de guiar o espírito de Hitler para o Bem, o Amor e a Verdade. Sensibilizado pelo sacrifício de Gandhi, Nosso Senhor autorizou-o na difícil tarefa e desde então temos Gandhi como dos poucos que se aproximam do espírito de Hitler com compaixão e amor…
Impressionado perguntei ao Chico : Então Chico, o Planeta Plutão é um planeta penitenciária ?

E ele me respondeu : É sim, Geraldinho. Em nosso Sistema Solar, temos penitenciárias espirituais em Plutão, em Mercúrio e na nossa Lua terrena. Eu soube por exemplo que o espírito de Lampião está preso na Lua. É por isso que alguns astronautas que lá pisaram, sentindo talvez um frio na alma, voltaram à Terra meio desorientados e tristes. Soube de um até que se tornou religioso depois de estar por lá !

Como vemos o nosso Chico era capaz de desvendar muitos mistérios em torno da organização da vida mais além ! E com que simplicidade e naturalidade ele nos falava dessas coisas …”

Sabemos por estudos e revelações mediúnicas que alguns orbes são sistemas penitenciários. Um bom exemplo disso é a Lua, no seu lado escuro possuindo uma prisão espiritual onde se encontram os espíritos à espera do exílio espiritual do planeta terra no seu momento de evolução.

Espero que o texto tenha ajudado nas dúvidas! Muita Paz!

Fonte: https://espiritismodaalma.wordpress.com/2015/05/01/onde-estaria-o-espirito-de-hitler/

Vamos agora as conjecturas, recorrendo algumas vezes ao Livro dos Espíritos:

Hitler fora punido mandado a uma colônia penal em Plutão por 1.000 anos.

O Livro dos Espíritos na Pergunta 234 diz:

  1. Existem, como foi dito, mundos que servem de estações ou de lugares de repouso aos Espíritos errantes?

      — Sim, há mundos particularmente destinados aos seres errantes, mundos que eles podem habitar temporariamente, espécie de acampamentos, de lugares em que possam repousar de erraticidades muito longas, que são sempre um pouco penosas. São posições intermediárias entre os mundos, graduados de acordo com a natureza dos Espíritos que podem atingi-los, e que neles gozam de maior ou menor bem-estar.

Podemos aceitar essa ideia de exílio em Plutão? Talvez, porém sabemos que os Espíritos se agregam através da simpatia, seja ela positiva ou negativa. Seres que vibram no mesmo sentido e intenção acabam por se congregar em lugares afins. Os locais de punição não são exatamente físicos, mas sim estados de consciência. Aceitar que Hitler foi imputado por Deus a ir para Plutão é um erro, Deus não interfere na Obra. Ele deixou as suas leis claramente definidas para não ter que ir contra e subvertê-las ou ignorá-las quando bem lhe aprouvesse, visto que é uma entidade (ser, conceito, ideia) Onipotente, Onisciente e Onipresente, não há porque revogar suas próprias leis. É mais capaz aceitar que Plutão por ser bem distante do Sol, é um planeta frio e desolado e que alguns Espíritos se direcionam para lá por essa semelhança com o mental e o emocional degenerado que possuem. Ninguém lhe pune, muito menos Deus, a punição se dá por nós mesmos em nossas consciências, quando estamos prontos.

Mas também há muitos casos de seres espirituais trevosos milenares que continuam a promulgar a maldade mesmo desencarnados e que não foram penalizados. Como isso é possível? É, pois a liberdade ou livre-arbítrio não cessa com o desencarne.

Chico explicou-me que esta providência foi necessária não somente pelo aspecto da pena que se lhe imputara aos erros clamorosos, mas também em função da Misericórdia Celeste em protegê-los da horda de milhões de almas vingativas que não o haviam perdoado os deslizes lamentáveis. Durante este período de 10 séculos em absoluta solidão ele seria chamado a meditar mais profundamente sobre os enganos cometidos

Todos os espíritos tem a liberdade de singrar por onde sua vibração permite, logo é impossível que Hitler ficasse solitário. Julguemos que ele fosse um Espírito de extrema importância e que movimentaria hostes celestiais elevadíssimas para protegê-lo contra o assédio de entidades trevosas que poderiam querer recrutá-lo para suas hordas. Bom, não vejo muita lógica nisso, visto que ele já iria sofrer a Lei do Retorno conhecida como Lei de Ação e Reação. Uma das leis imutáveis de Deus, que muitos confundem com o Karma. Ele seria atormentado pelas almas que não tivessem compreendido pelo que passaram – Afinal se passaram, houve motivo, mesmo a despeito da crueldade dos atos praticados. E a própria tormenta é a paga pela qual ele estaria submetido através da Lei anteriormente citada.

  1. Todos os homens são iguais perante Deus?

— Sim, todos tendem para o mesmo fim e Deus fez. as suas leis para todos. Dizeis freqüentemente: “O Sol brilha para todos”, e com isso dizeis uma verdade maior e mais geral do que pensais.

Comentário de Kardec:Todos os homens são submetidos às mesmas leis naturais, todos nascem com a mesma fragilidade, estão sujeitos às mesmas dores e o corpo do rico se destrói como o do pobre. Deus não concedeu, portanto, superioridade natural a nenhum homem, nem pelo nascimento, nem pela morte: todos são iguais diante dele.

Quando o espírito de Gandhi desencarnou, e ascendeu aos Planos Mais Altos da Terra pela iluminação natural de sua bondade característica, ao saber do triste destino do algoz da humanidade na II Grande Guerra Mundial, solicitou uma audiência com Jesus Cristo, o Governador Espiritual da Terra, e pediu ao Cristo a possibilidade de guiar o espírito de Hitler para o Bem, o Amor e a Verdade. Sensibilizado pelo sacrifício de Gandhi, Nosso Senhor autorizou-o na difícil tarefa e desde então temos Gandhi como dos poucos que se aproximam do espírito de Hitler com compaixão e amor…

Pronto, aqui mesmo o autor refuta a ideia de Hitler viver na eterna solidão. Consideramos que Deus, através da intercessão de Jesus Cristo, acabou por mudar de ideia e permitir isso. Oras, então Deus assumiu que falhou e voltou atrás em uma de suas designações? Já invalida todo o texto. Além disso olhemos abaixo a resposta do Livro dos Espíritos sobre a elevação dos Espíritos:

  1. poder e a consideração de que um homem goza na Terra dão-lhe alguma supremacia no mundo dos Espíritos?

— Não; pois os pequenos serão elevados e os grandes, rebaixados. Lê os salmos.

Ora, como sabemos que Gandhi – apesar de sua vivência pacífica na Terra – era um espírito da estirpe de Jesus e que teria acesso ao mesmo? Seus feitos foram grandes, mas foram restritos a um só local. Gandhi é um Espírito Bondoso porém não Puro como Jesus, logo Jesus teria que permitir ou ir ao encontro de Gandhi. Realmente, é pra pensar. Será que um Espírito como Jesus, dito o Governador do Orbe, teria espaço em sua “agenda” para atender a solicitação sobre um único e singular espírito? Ele está direcionando todo um planeta e toda sua população e iria se pautar a dar um respaldo sobre um único indivíduo? Aí iria contra dizer que todos nós somos iguais, pois ele estaria tendo a intercessão diferenciada, e não é uma boa alma – Hitler – para ser ajudada, seria um genocida como muitos historiadores dizem.

Mas:

  1. Qual é a natureza das relações entre os bons e os maus Espíritos?

— Os bons procuram combater as más tendências dos outros, a fim de os ajudar a subir; e uma missão.

OK! Agora sim pode ser real, se não houvesse todo o restante do texto e a pergunta abaixo coloca mais ainda sobre:

  1. Os maus Espíritos poderiam suscitar-lhe planos errados, com vistas à derrota?

— Sim, mas não tem ele o seu livre-arbítrio? Se o seu raciocínio não lhe permite distinguir uma ideia certa de uma falsa, terá de sofrer as conseqüências e faria melhor em obedecer do que em comandar.

Ele tem seu livre-arbítrio e de alguma foram um evento como a II Guerra Mundial não aconteceria contra as vontades da programação planetária, devido ao seu grande impacto, até nos dias atuais. Porém veja, se Hitler não foi capaz de ele mesmo distinguir sobre o que fez, deve sofrer as consequências de seus atos.

  1. Que pensar daquele que suscita a guerra em seu proveito?

— Esse é o verdadeiro culpado e necessitará de muitas existências para expiar todos os assassínios de que foi causa, porque responderá por cada homem cuja morte tenha causado para satisfazer a sua ambição.

Observem, precisará de muitas existências para expiar todos os assassínios de que foi causa!! Não fala sobre viver em uma solitária sideral, com um guarda costas elevado para lhe guiar os passos. Então, usando simplesmente o Livro dos Espíritos mais um pouquinho de raciocínio e discernimento é capaz de compreender de outra forma esse texto inteiro. Quanto ao lado escuro da Lua ser uma forma de prisão também, outra invenção de escritores new-age e mentes férteis. As prisões são nossas consciências, o lado escuro é escuro simplesmente por questões astronômicas. E vamos raciocinar, como combate-se as trevas? Com mais trevas ou com a Luz?

Não estou desdenhando de Chico Xavier e nem de seus textos, que tem seus fundamentos e tem suas bases. Nunca poderia duvidar do ser humano que Chico Xavier foi, com suas obras caritativas e seu amor a ser doado, mas aqui estamos falando de um suposto texto seu, que não poderia ser confirmado pois o Chico não está mais encarnado. Muitas coisas são atribuídas aos mortos, principalmente os que mais tiveram exposição midiática ou carismática. Já perdi a conta de quantas profecias que supostamente Chico fez.

Entendam, todos os simpatizantes do Espiritismo, que enquanto ficarmos com essas ilusões na mente criando arco-íris multicoloridos em cima da espiritualidade, jamais seremos levados a sério. O estudo do Espiritismo é sério e deve ser feito por gente séria sem o melindre natural que encontramos nas histórias de heróis e mártires tão populares no catolicismo.  Vamos usar a fé racional para discernir entre o que pode ou não ser verdadeiro, não vamos acreditar em todos romances espíritas e muito menos em todos os espíritos. Elevemos sempre o padrão mental procurando evoluir mentalmente, intelectualmente e moralmente. Deixamos o atavismo cristão no passado a que pertence e vamos estudar.

Observação 1: Gandhi morreu assassinado. Geralmente esses espíritos ao desencarnarem passam por um processo de recuperação emocional e energética do seu perispírito. Mesmo grande espíritos desprendidos da matéria precisam de certo tempo e preparo. Hitler morreu em 1945 e Gandhi em 1948, deixo esse raciocínio para vocês leitores.

Observação 2: Essa é minha reflexão baseado nos meus estudos e entendimentos. Cada qual tem sua própria forma de entender as coisas, logo se você discorda de mim, acho válido e respeito isso. Assim, deixe a sua opinião e a sua reflexão no comentário desse artigo para que mais pessoas possam também refletir. Várias opiniões ajudam e muito.

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Douglas Rainho

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Você pode gostar...