Ayurveda: A cozinha como farmácia natural.

Toda casa tem uma farmácia, chama-se cozinha.
Os remédios estão na cozinha!

A farmácia de cozinha está ganhando uma grande popularidade em nossa vida cheia de estresse dos dias atuais. O foco é manter a boa saúde através da alimentação saudável. A Ayurveda considera a comida o melhor medicamento. Esta ciência da vida proporciona dietas especificas para doenças como diabetes mellitus baseados na constituição individual e na desarmonia dos doshas. Baseado em certos elementos da formulação de dietas da Ayurveda Clássica e de algumas receitas populares, nós podemos encontrar uma melhor forma de padronizar nossa dieta com o estilo de vida contemporâneo.

 A farmacologia ayurvédica é uma vasta ciência que inclui milhares de medicamentos, muitos deles preparações com ervas. Complementarmente com essas fórmulas naturais, também há remédios que usam as propriedades curativas dos minerais, metais e cores, e são muito recomendadas. Os textos clássicos ayurvédicos definem que toda substância encontrada na natureza tem seu valor medicinal quando usado de maneira apropriada. O propósito desses remédios não é suprimir os sintomas das doenças, o que é o caso na maioria das vezes na medicina ocidental, mas trazer a harmonia ao corpo novamente, eliminando as causas das doenças. O propósito dos remédios ayurvédicos é de erradicar a doença em si, não somente os sintomas desta.

Ayurveda é uma ciência muito prática e os conselhos a seguir, sugerindo tratamentos simples para doenças menores e utilizando ervas comumente encontrados na cozinha, é simples e eficaz.

Aqui, métodos específicos são indicados para auxiliar o corpo em seus processos naturais de harmonização do ambiente externo e interno, assim promovendo a cura.

A cozinha se torna sua clinica doméstica. Você pode usar sua cozinha e seus recursos para criar remédios de ervas que irão promover bem-estar e cura em sua família. A seguir as substâncias comumente encontradas em casa.

Assa-fétida: Essa substância aromática, que é uma resina extraída de uma árvore, é um estimulante. Também auxilia aliviando espasmos. É um bom expectorante, digestivo, antiácido e um laxativo natural. Uma pitada de assa-fétida em lentilha cozida ajuda na digestão. Ela acende jataragni, remove toxinas e alivia dores. Ela também ajuda a aliviar gases no intestino grosso. Se houve dor de ouvido, um pouco de assa-fétida envolvida num algodão pode ser colocada no ouvido para alivio. Estudos recentes tem mostrado que o óleo de assa-fétida tem propriedades antibióticas e inibe o crescimento de micro-organismos.

Erva-Doce

Erva Doce ou Anis (Pimpinella anisum): Não confundir com o Anis Estrelado (Illicium verum). O anis ou Erva-doce é comum em chás. Ele é preferido na medicina por suas propriedades de aliviar a flatulência e de remover catarro e pigarro dos trato respiratório. Essas propriedades se devem a presença do seu óleo essencial. A semente induz a transpiração e aumento do fluxo de urina. As folhas da planta são usadas para aliviar gases e fortalecer o estomago. A erva-doce é mais comumente usada como um agente de sabor para curries (uma mistura de diversos temperos), bolos-doces, biscoitos e bolachas. O óleo de erva-doce é usada na medicina como um carminativo (remédio para gases) para alivio da flatulência. É um agente de sabor popular para cremes dentais.

Bicarbonato de sódio: Quando cozida junto com feijão-preto ou feijão-chinês o bicarbonato de sódio torna-os mais leve e facilita o processo de cozimento. Ele é também um antiácido. Uma pitada em um copo de água morna e o suco de meio limão alivia a acidez, gases e a indigestão. Meio-copo de bicarbonato de sódio em um banho ajuda a circulação e deixa a pele mais macia. Bicarbonato de sódio alivia infecções cutâneas, erupções cutâneas e urticária e mantem a saúde e higiene da pele.

Cominho (Carvum curvi) é um planta aromática bienal. Tem geralmente uma raiz que se assemelha no gosto a cenoura e é amarela por fora e branca por dentro. As sementes, folhas e raízes são consideradas uteis na ativação das glândulas, além de aumentar a ação dos rins. A semente é considerada um excelente limpador para o corpo. A semente inteira ou moída, ajuda na assimilação dos alimentos ricos em amido, como bolos, pães, biscoitos e certos vegetais, como repolho, cebola e abóbora que tendem a produzir flatulência. O óleo de cominho é usado na medicina para aliviar a flatulência. É também usado para combater as náuseas e efeitos colaterais de alguns medicamentos. A grande raiz as vezes são cozidas com vegetais e as folhas as vezes usadas em saladas, cremes, sopas, e pratos com repolho, batata e couve-flor. 

CardamomoCardamomo (Elettaria cardamomum): O aroma e as propriedades terapêuticas do cardamomo são devido ao seu óleo essencial. Tinturas de cardamomo também são feitas. Eles são usados mais para fortalecimento do estomago. Cardamomo é também usado para dar sabor a curries, bolos, café, carnes, etc. Cardamomo é levemente adstringente, doce e um pouco pungente. Deve sempre ser usado em pequenas quantidades polvilhado no chá ou em vegetais. Ele também auxilia na digestão. E é também analgésico e refresca o hálito.

pimentaPimentas (Capsicum): As pimentas são pungentes e ardidas. Consumidas com moderação, são uteis como descongestionante e digestivo. Ele fortalece o sistema circulatório, abre as vias aéreas, dissolve o muco nos pulmões, age como um expectorante e descongestionante e ajuda a prevenir bronquite. As pimentas são também um potente analgésico, aliviando dores de cabeça. Ela também contem propriedades antibactericidas e ação antioxidante. Colocar molho de pimenta na comida acelera o metabolismo, queimando calorias. Pimentas-Verdes cruas são usadas na preparação de curries e conservas para dar sabor. Também são usadas em saladas.

Óleo de Rícino: É um laxativo seguro o suficiente para ser usado para tratar bebês. Para tratar uma criança, a mãe costuma embeber seu dedo mínimo neste óleo e deixar o bebe chupar. Para constipação crônica, uma colher de sopa de óleo de rícino deve ser tomada com uma xícara de chá de gengibre. Esse Tonico irá neutralizar as toxinas e aliviar gases e a constipação. Óleo de rícino é também antirreumático pois é um analgésico e laxativo natural. A raiz da mamona é usada no tratamento de diversas desordens de vata como artrite, dores ciáticas, dores nas costas crônicas e espasmos musculares. Também é efetivo no tratamento de gota.

canelaA Canela é aromática e estimulante com propriedades antissépticas e refrescantes. O gosto é levemente picante e adstringente. É uma ótima erva para desintoxicação. Ela refresca, fortalece e energiza os tecidos. Canela também age como um analgésico, aliviando dores. Ele alivia desordens de ordem vata e kapha e também é usado em doenças de origem Pitta, se tomado em pequenas quantidades. A canela acende agni, promove a digestão e tem uma ação limpadora natural. Ela estimula a transpiração. É boa para o bem-estar em casos de gripes, resfriados e tosses. Canela, cardamomo, gengibre e cravo-da-índia são usados juntos para aliviar tosses e congestões e promove a digestão. Auxilia controlando o açúcar em diabéticos e previne ulceras estomacais, protege o trato urinário contra infecções, combate a cárie e doenças da gengiva. A canela aprimora a compleição e a memória.

  • AGNI: Fogo digestivo
  • Curries: preparos com diversos temperos e ervas, usados na culinária.

É importante lembrar que sempre devemos procurar a ajuda de um médico (medicina ocidental), e que os produtos apresentados aqui são sugestões para o consumo como alimentação, e são reconhecidos pela cultura popular.

Esse artigo será dividido em três partes. Nas outras apresentarei mais alguns elementos que podemos utilizar na cozinha e na alimentação.

Fonte de Pesquisa:Ayurveda Magazine

Douglas Rainho

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Douglas Rainho

Douglas Rainho

Terapeuta Natural (Naturopata) e futuro Acupunturista, Idealizador do blog Perdido em Pensamentos e pretenso escritor. Geminiano com ascendente em Leão e lua em Touro, acredita que toda forma de estudo é importante. Médium umbandista e eterno questionador, tem interesses em temas como: Espiritualidade, Espiritismo, Umbanda, Magia e Terapias Naturais. É apaixonado pela cidade de São Paulo, onde tudo é possível. Colecionador de livros, principalmente sobre Umbanda (quanto mais antigo melhor).

Você pode gostar...